Tocantins - 03/12/2020 - 01:42

Deusimar solicita apoio da população de Aparecida do Rio Negro para prevenção ao novo Coronavírus

Postado em 24/03/2020

Compartilhe no:

O gestor pede à população que se mantenha em casa e com a calma necessária. O Município declarou situação de emergência em Saúde Pública para o enfrentamento
à pandemia

A população aparecidense vive um momento distinto, em que é necessária a colaboração de todos para a prevenção ao Coronavírus. O prefeito Deusimar Amorim está no Município e tem acompanhado de perto a situação na Cidade. Para ele, é preciso que os aparecidenses tenham calma e confiem nas autoridades para vencer a nova doença. “Nós da Administração estamos com cada aparecidense para tentar prevenir essa situação. Estamos buscando atender as solicitações, mas com toda a cautela deste momento”, ressaltou o prefeito.


Diversos municípios de todo o Brasil adotaram medidas drásticas para conter o Coronavírus e evitar mortes, a exemplo dos países já afetados pela doença. Em Aparecida do Rio Negro, o prefeito Deusimar Amorim, preocupado em manter os serviços essenciais e a saúde pública, também tomou diversas medidas para a segurança da população. “Neste momento de crise em que passa o Brasil, tivemos que adotar algumas atitudes que podem parecer duras, especialmente a alguns segmentos da nossa sociedade, como é o caso do comércio”, disse o gestor.


No entanto, o prefeito destaca que apesar de difícil, é preciso obedecer as orientações para o bem de todos. “Nós estamos seguindo recomendações dos órgãos federais e estaduais, para que possamos conter essa pandemia que tanto assusta a nossa população”, comenta.

“Um só caso pode trazer a calamidade. Então faço meu apelo a toda comunidade. Nós estamos obedecendo todos os protocolos na saúde e em todos os órgãos”


Apesar das dificuldades, o prefeito pede que a população tenha calma para que a situação se resolva. “Temos vivido esse tempo difícil, mas sabemos que vai passar, com a ajuda de Deus e a união das nossas forças. Só assim, cumprindo todas as determinações, vamos passar por isso”, disse ele.
Deusimar pede ainda que as crianças, jovens, e principalmente os idosos se mantenham em casa, conforme o recomendado. “Vamos orientar, fazer de tudo para que os idosos fiquem em casa, e que as pessoas só saiam se for realmente essencial”, destacou.

Providências


Em consonância com os órgãos competentes, as aulas da rede municipal foram suspensas. A Prefeitura também publicou o Decreto nº 008/2020, que declara situação de emergência. “Esse enfrentamento somente será possível com a dedicação e empenho de cada um, mesmo que talvez tenhamos que sofrer algum prejuízo, nós devemos obedecer a todas as orientações. Nós vamos cumprir com rigor o decreto que foi editado”, disse ele.


Como em outros municípios, o decreto determina a suspensão de atividades e eventos que possam ocasionar aglomeração de pessoas. Por isso, está suspenso o funcionamento da Feira Municipal, a realização de reuniões, além de determinado o fechamento de comércios não essenciais.
Além disso, os fornecedores de alimentos (supermercados, mercados e açougues), de remédios e congêneres, casas lotéricas, agência bancária devem fixar limites quantitativos para aquisição de bens essenciais à alimentação, saúde e higiene, primando pelo bem comum da população. Os demais estabelecimentos devem funcionar apenas com entregas a domicílio.

Comitê de crise


Um Comitê de crise foi criado para avaliação constante dos números e medidas, com a comunicação entre os componentes. O prefeito destaca que a Saúde do Município está equipada com o necessário para momento, com profissionais competentes para o atendimento e orientação à população. “Um só caso pode trazer a calamidade. Então faço meu apelo a todos os segmentos. Nós estamos obedecendo todos os protocolos na saúde e em todos os órgãos”, disse ele.

Serviços Públicos


Os serviços essenciais estão mantidos na Prefeitura Municipal de forma interna, com número de servidores reduzido, e o atendimento ao público é feito somente pelo telefone (63) 3538-1111, com o intuito de evitar agrupamentos de pessoas e não prejudicar os atendimentos necessários.

Compartilhe no:

Relacionados