Tocantins - 04/12/2020 - 04:35

Governador Carlesse apela à população para manter isolamento social

Postado em 30/07/2020

Compartilhe no:

“Aqui, nenhum erro vai ocorrer por falta de conversa, debate e de busca pelas melhores decisões. Estamos e continuaremos atentos e vigilantes, cuidando da nossa população”, garantiu o governador

Diante do aumento de casos da Covid-19 nas últimas semanas, o governador Mauro Carlesse, após reunião remota do Comitê de Crise, realizada no dia 29, foi a público pedir à população para se manter no isolamento social, evitando, assim, a disseminação do vírus que provoca a doença. O vídeo de 1 minuto e 45 segundos teve reações adversas nas redes sociais.

“Aqui, nenhum erro vai ocorrer por falta de conversa, debate e de busca pelas melhores decisões. Estamos e continuaremos atentos e vigilantes, cuidando da nossa população; o Governo tem feito muito, aquilo que, até pouco tempo atrás não tinha; todos os outros estados estão em situação precária e o Tocantins ainda está no equilíbrio”, diz o governador ao reforçar o pedido de respeito da comunidade para esse momento difícil.

“Nós temos um limite de leitos de UTI´s para poder atender essas pessoas que uma hora podem precisar. Temos que estar preparados para poder atendê-los. Neste momento, venho pedir encarecidamente aos jovens e as pessoas que talvez não tenham o risco de contaminação: o Estado do Tocantins ainda está no equilíbrio, depende de nós, depende de vocês e respeitar esse momento difícil”, alerta.

Ações

A reunião do Comitê de Crise desta quarta-feira ficaram definidas algumas ações, para conter o avanço da Covid-19: prorrogação do decreto que suspende a ocorrência de aulas presenciais, renovação do decreto que mantém a jornada ininterrupta e reduzida de 6 horas, com a possibilidade dos demais órgãos se regularem quanto a turnos alternados, e a continuidade da suspensão das visitas a parques, realizações de eventos e aglomerações. Ficou definido também o adiamento do retorno presencial das aulas, previsto para agosto.

Recursos

No balanço da Secretaria Estadual de Saúde, foi informado na reunião que o Ministério da Saúde já enviou um total de R$ 125 milhões aos 139 municípios tocantinenses. “Os municípios receberam 57% e o Estado 43%. Foram alocados R$ 92 milhões para o Estado, mas até agora vieram R$ 77 milhões, faltando R$ 15 milhões”, afirmou o titular da pasta, Edgar Tollini.

Compartilhe no:

Relacionados