Tocantins - 26/11/2020 - 11:57

Mauro Carlesse reduz jornada dos servidores para seis horas

Postado em 02/05/2018

Compartilhe no:

O governador interino Mauro Carlesse (PHS) publicou no Diário Oficial do Estado do dia 30 de abril, o decreto que reduz para seis horas a jornada dos servidores. Eles trabalharão das 8 às 14 horas a partir do dia 2 de maio.
A justificativa é de que a redução da jornada contribui com a economia do Estado, porque diminui os gastos com energia e água, por exemplo.

Além disso, a jornada de seis horas é uma demanda antiga dos servidores. Foi implantada no governo Carlos Gaguim (DEM), depois retirada na gestão Siqueira Campos (DEM) no início de 2011.

O expediente de seis horas voltou em outubro de 2012, como uma forma de o governo Siqueira Campos amenizar as críticas pelo fato de ter reincluído o Estado no Horário de Verão naquele ano. A jornada reduzida foi retirada pelo ex-governador Sandoval (SD) em maio de 2014.

O ex-governador Marcelo Miranda (MDB) reduziu a jornada com o pacote de economia para o Estado do final de 2016, mas os servidores voltaram a cumprir as oito horas em agosto do ano passado.
A diferença agora é que os servidores vão trabalhar pela manhã e folgar à tarde. Nas outras oportunidades, eles trabalhavam das 12h30 às 18h30. (Portal CT)

Compartilhe no:

Relacionados