Tocantins - 02/12/2020 - 13:40

Ouro do Jalapão, capim dourado gera emprego e renda

Postado em 28/01/2019

Compartilhe no:

O Jalapão é a principal atração turística do Tocantins e uma característica marcante do local é o capim dourado. Ouro do Jalapão, o capim garante geração de renda para as comunidades locais pois, aliado à seda de buriti e do babaçu que servem para costurar as peças, é a matéria prima, do mundialmente conhecido, artesanato do Jalapão. 

A cor do capim, que lembra a do ouro, é a sua característica principal e em setembro, mais precisamente no dia 20, o capim está mais brilhante e inicia-se o período da colheita, que segue até o começo das chuvas. 

Com a colheita sendo feita de forma sustentável, os artesãos do Jalapão garantem a manutenção da riqueza do capim dourado nascendo ano a ano e assim têm matéria prima para trabalhar durante o ano inteiro.  

A criatividade dos artesãos também garante a fama das peças produzidas em capim dourado por todo o país e até mesmo internacionalmente. São pulseiras, brincos, chaveiros, bolsas, cintos, vasos, brinquedos, peças de decoração, entre vários outros itens construídos por meio da imaginação dos artesãos.  

Vale ressaltar que a legislação estadual não permite que o capim dourado saia “in natura” do Jalapão, ou seja, as peças devem ser produzidas pela comunidade local e só então serem disponibilizadas para a venda. 

História 

No início do século XX o povo Xerente começou o manejo do capim dourado e então comunidades quilombolas, como o Povoado Mumbuca, também passaram a utilizar a técnica e assim garantir a produção das joias e a geração de renda para a comunidade local.  

Compartilhe no:

Relacionados