Tocantins - 26/07/2021 - 20:54

APARECIDA: Comitê de enfrentamento à Covid se reúne e medidas continuam valendo até o dia 10

Postado em 05/04/2021

Compartilhe no:

O prefeito Suzano Marques reforçou que as medidas contra o coronavírus valem até o dia 10 de abril, quando o Comitê deve se reunir novamente para avaliação. Os secretários realizaram momento de agradecimento em oração, já que o número de casos ativos zerou no Município.

O Comitê de enfrentamento ao Coronavírus de Aparecida do Rio Negro se reuniu na manhã desta segunda-feira, 5, após intensa semana de medidas rigorosas tomadas pelo Poder Público Municipal para conter a disseminação do vírus. O feriado da Semana Santa foi de contensão para todos, e a redução gradual do número de novos casos é resultado do cumprimento das normas.

 A semana foi de também de perdas e muita tristeza para os moradores, já que dois pacientes hospitalizados do Município perderam a vida para o vírus após cerca de um mês de luta contra a doença.

Durante a reunião nesta manhã, os servidores presentes participaram de um momento de oração especial. Nos últimos dias os funcionários estão realizando orações pelo município ao meio-dia, presencialmente ou virtualmente. A primeira dama Luisa Marques solicitou o momento de oração durante a reunião, em agradecimento ao número de casos ativos do Boletim Epidemiológico, que nesta segunda zerou.

Medidas

O Comitê se reuniu na Prefeitura Municipal, com a presença de servidores e secretários, conforme previa o ultimo decreto publicado. O Prefeito Suzano Marques avaliou de forma positiva o cumprimento das medidas. “A gente conseguiu zerar as pessoas infectadas e hospitalizadas pela segunda vez na nossa gestão, e isso é fruto do nosso trabalho. Mas mesmo assim não podemos afrouxar porque o pior pode ser que ainda esteja por vir. Aqui é rota de passagem para muitos municípios, além desse período de colheita de safra, então vamos manter o decreto, a vigência dele é até o dia 10. A única mudança é em relação à abertura das igrejas, que por decisão do STF, foi liberada, mas não há necessidade de mexermos no Decreto. A gente não quer cometer erros, até porque perdemos vidas, essa enfermidade atinge todos nós, pessoas próximas”, disse o gestor.

Conforme a reunião, as medidas de contensão valem até o dia 10 de abril, com todas as normas já determinadas e conhecidas pela população, com horário de funcionamento do comércio, e proibição de consumo de bebidas alcoólicas nos estabelecimentos. As atividades religiosas presenciais poderão acontecer, conforme decisão do STF, mas com normas rigorosas de distanciamento e fiscalização da Vigilância Sanitária.

A secretária Municipal de Saúde, Sebastiana Luzia, parabenizou a população pelo cumprimento das normas, mas destacou que ainda existem pessoas que insistem e aglomerar. “Os servidores estão realizando o que foi determinado, a população em geral, a Vigilância Sanitária tem se doado, mas infelizmente muitas pessoas que tem conhecimento e do nosso meio ainda insistem em aglomerar nas portas das casas, nos quintais, é muito triste, porque todo mundo tem conhecimento amplo sobre essa questão”, disse ela.

Sebastiana também comemorou os resultados obtidos com as medidas. “A gente teve um grande resultado, desde aquele clamor realizado pelos pastores a gente percebeu que teve uma melhora. Foi muito bonito, significativo e tivemos uma resposta muito boa das orações recebidas”, agradeceu.

Gestão

A reunião também foi utilizada para uma breve avaliação dos três meses da atual gestão. Conforme o prefeito Suzano, “embora com o foco voltado para a saúde, as outras pastas também estão andando, não aceleradas como gostaríamos devido à pandemia, mas a gente continua a trabalhar com os reparos, agricultura, educação, enfim, todas as pastas”, concluiu.

Compartilhe no:

Relacionados