Tocantins - 19/09/2021 - 02:58

CORONAVÍRUS: Em Aparecida número de contaminados volta a crescer

Postado em 29/07/2021

Compartilhe no:

A Secretaria Municipal de Saúde está demonstrando preocupação com o novo aumento ocorrido nesta semana, após alguns dias com poucos casos registrados. O período de férias e a temporada de praias têm gerado aglomerações.

Os moradores de Aparecida do Rio Negro estão novamente passando por um momento delicado da pandemia do coronavírus: um novo crescimento de casos volta a acontecer nesta semana, após alguns dias com poucos casos registrados.

A Secretaria Municipal de Saúde tem demonstrado preocupação com o aumento. A secretária Sebastiana Luzia destaca que isso é reflexo das aglomerações que tem ocorrido. “As pessoas ou esqueceram ou se acostumaram com a Covid. Percebo que trabalhamos, quase zeramos os casos, mas o vírus está insistente. As pessoas não se preocupam mais. O que se vê hoje nas ruas, nos comércios, são as pessoas não usarem a máscara, e não é por falta de conhecimento ou de chegar a todos as informações sobre os protocolos sanitários”, disse.

As férias escolares e período de praias no Tocantins são mais um atrativo para as aglomerações que vem acontecendo, apesar do decreto municipal que impede qualquer tipo de festa. “As ruas, os bares, principalmente à noite, praias, estão lotadas com acampamentos, e não é só com famílias, sempre envolve pessoas de outras cidades junto. A Comunidade não está mais com medo, e aí a saúde se preocupa em perder mais vidas”, comentou a secretária.

A secretária Sebastiana reforçou a preocupação com as hospitalizações e ainda com a falta de interesse da população em cumprir as regras de distanciamento. “As pessoas não aceitam mais quando pedimos para cumprirem as regras. Percebemos a insatisfação das pessoas quando falamos destes protocolos, quando cobramos por meio da Vigilância, a Saúde de um modo geral. Nem álcool em gel as pessoas usam mais, e o vírus não foi eliminado em Aparecida do Rio Negro, e ele está cada vez mais forte”, comentou.

O Boletim registrou nesta quarta-feira, 28, seis casos ativos e dois hospitalizados. Sete pessoas estão em monitoramento suspeitas de estarem com a doença. O total de positivos desde o início da pandemia é 488.

Compartilhe no:

Relacionados