Tocantins - 22/10/2020 - 20:04

EDITORIAL: Que os ataques gratuitos parem

Postado em 24/09/2020

Compartilhe no:

Já falamos muito por aqui sobre a necessidade de se reforçar o amor e o respeito ao próximo, sobretudo, em tempos de pandemia e eleição municipal. Vivemos um momento atípico, que gera tensão pelo medo da doença em si, apreensão pelo cenário econômico e até elevações de síndromes atuais, como ansiedade e depressão.


Vivemos um tempo em que alguns políticos usam seu pouco espaço para agredir o adversário em vez de apresentar suas propostas e convencer os eleitores.


A eleição municipal de 2020 está começando, mesmo ainda de forma discreta, partidos já realizaram suas convenções. A campanha começa oficialmente no próximo dia 27. Será uma eleição atípica, diferente do que já se viu. Mais do que datas e regras, a pandemia mudará a forma de conquistar o voto. Vai impor novas demandas e expectativas aos eleitores e desafios extras aos candidatos.

Além de saúde, educação e mobilidade, por exemplo, eles precisarão falar também sobre como pretendem conduzir a retomada de suas comunidades após a pandemia. E esta relação se dará, em parte, no tumultuado ambiente das redes sociais, em meio a notícias falsas, discursos de ódio e com reputações por um fio.


Neste ano, os municípios que compõem o Jalapão, apontam o total de 24 candidatos a prefeito. Todos os candidatos têm histórias de vida, propostas, projetos e desejos diferentes para suas cidades, cada uma também com diferentes necessidades, realidades e culturas.


O Jornal Folha do Jalapão, como vem seguindo há vários anos uma linha editorial pautada na seriedade e respeito aos seus eleitores, dará continuidade ao seu objetivo maior: levar informação fidedigna e de credibilidade. Por isso, neste processo político, o Folha do Jalapão não entrará no mérito de qualquer grupo político. Todas as publicações referentes às respectivas campanhas eleitorais, como matérias e material fotográfico, são de total responsabilidade das coligações. Neste âmbito, o Jornal reafirma o seu compromisso em proporcionar ao eleitor o direito de se contextualizar nos projetos existentes em cada Município.


Desta forma, os leitores poderão utilizar o material divulgado para avaliar, destacar e fomentar sua escolha que decidirá o futuro de milhares de pessoas que residem no Jalapão. Serão pouco mais de 45 dias de campanha acirrada, em que esperamos que não ocorram ataques, mas projetos e ideias que possam chegar aos eleitores, e que beneficiem pessoas e setores de todas as áreas e classes.


A participação dos jovens, adultos, famílias, profissionais, é fundamental para que este processo seja concluído de forma sadia, e com respeito a todos os candidatos e coligações. E nisso, o papel da imprensa também é fundamental para informar a realidade e os projetos dos candidatos, tendo em vista a atual crise de desinformação e a avalanche de Fake News que tem tomado conta das redes sociais.


Afinal, o futuro das novas gerações, dos idosos, da educação, saúde, e infraestrutura, dependerá das escolhas que todos farão no dia 15 de novembro. Em meio a uma pandemia, que nos tirou do comodismo e nos fez repensar a vida, esta é mais uma oportunidade para também repensarmos a política e os personagens que hoje nela atuam. (Wenina Miranda)

Compartilhe no:

Relacionados