Tocantins - 20/06/2021 - 01:46

Educação promove mais uma formação do programa Tutoria Pedagógica

Postado em 15/04/2018

Compartilhe no:

Como forma de aprimorar as competências em gestão escolar, a Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc) promoveu mais uma formação do programa Tutoria Pedagógica. Participaram da ação, que durou três dias e terminou nesta sexta-feira, 13, coordenadores pedagógicos e assessores de currículo das Diretorias Regionais de Educação de Paraíso, Palmas, Porto Nacional e Miracema.

O programa Tutoria Pedagógica capacita gestores escolares, com o objetivo de formar lideranças. Esses servidores que participaram da formação serão responsáveis pela formação de gestores escolares em suas regionais.

A professora Mônica Rocha, coordenadora estadual do programa, destacou a metodologia, que promove uma reflexão sobre o trabalho do gestor escolar e seus espaços de interação como a sala de aula, a sala de professores, a sala de orientação pedagógica e de ações como o conselho de classe e a caminhada pedagógica. “Essa formação promove reflexão sobre a prática pedagógica, e essa reflexão serve para a nossa vida”, frisou.

André Chaves Moreira, tutor da Diretoria Regional de Educação de Miracema, está entrando no programa este ano. “Este é um momento importante, porque auxilia os gestores escolares no processo de fortalecimento do ensino e da aprendizagem”, afirmou.

Marta Nardi, tutora do programa na Diretoria de Porto Nacional, comentou que a formação representa um fortalecimento do processo de educação. “É preciso que todos façam parte da rede pela formação da equipe, e que o tutor desenvolva sua própria liderança, para que possa ajudar o gestor a melhorar sua prática”, contou.

Parcerias

A formação é ministrada pela consultora em educação Márcia Giupatto, do Centro Integrado de Estudos e Programas de Desenvolvimento Sustentável (Cieds). Ela citou que a formação no Tocantins é uma das ações do Plano Estadual de Educação (PEE-TO), cuja meta 20 “institui o programa de formação continuada para profissionais da educação básica”.

Márcia Giupetto esclarece algumas posturas que devem ser observadas na escola e na sala de aula. “O professor precisa considerar o potencial de cada aluno para o desenvolvimento de um ambiente adequado para a aprendizagem. E, neste sentido, é importante que o gestor escolar acompanhe o planejamento das aulas e quando não puder, converse com o professor sobre as aulas. O gestor e o professor devem caminhar juntos”, frisou.

O programa Tutoria Pedagógica está sendo desenvolvido no Tocantins, por meio do Consórcio de Governadores/Brasil Central, em parceria com a Fundação Itaú Social.

Compartilhe no:

Relacionados