Tocantins - 24/06/2024 - 13:38

Folha do Jalapão

Em nota, Léo Barbosa reflui da disputa pela presidência da Aleto e apoiará Cayres

Postado em 21/05/2024

Deputado Léo Barbosa reflui na tarde desta terça-feira, 21, da intenção de disputar a presidência da Casa 

Em uma reviravolta inesperada em torno das últimas decisões judiciais e da PEC apresentada recentemente pelo deputado Ivory De Lira, líder do Governo, o deputado Léo Barbosa reflui na tarde desta terça-feira, 21, da intenção de disputar a presidência da Casa. 

Na nota destinada à imprensa, ele informa que apoiará o deputado Amélio Cayres. 

Confira a íntegra da nota:

Nota à imprensa

Informo que refluí da candidatura à Presidência da Assembleia Legislativa do Tocantins (Aleto) para o 2° biênio da atual legislatura e que apoiarei o deputado Amélio Cayres em sua campanha para reeleição.

Na tarde desta terça-feira, 21, comuniquei a decisão aos meus colegas e agradeci pelo apoio e compromisso dos 23 parlamentares durante a última eleição para presidente da Casa de Leis.

Nossa decisão demonstra um amadurecimento e comunico isso com sentimento de tranquilidade. Amélio vem tocando a Aleto com muita responsabilidade e sempre prezando pela boa relação institucional. Tenho convicção de que seria eleito, caso tivesse decidido continuar com a candidatura, mas entendo que o momento da Casa seja de continuidade, por isso irei apoiar o deputado Amélio em sua reeleição.

Léo Barbosa

Deputado estadual

Entenda o caso:

Em fevereiro de 2023, o deputado estadual Leo Barbosa foi eleito, por unanimidade, durante uma sessão extraordinária, para ocupar o cargo da presidência da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa para o 2º biênio (2025-2026), da 10ª Legislatura.

Porém, em março de 2024, o plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) julgou pela inconstitucionalidade da emenda que antecipou a votação e, consequentemente, a eleição foi anulada. Segundo o STF, a ação contrariava os fundamentos e princípios basilares da República Federativa do Brasil, encartados na Constituição de 1988.

Em maio deste ano, os parlamentares da Aleto aprovaram uma PEC, de iniciativa do deputado e líder do governo, Ivory De Lira, que regulamenta a eleição da Mesa Diretora, proposta para acontecer no mês de junho, inclusive permitindo a reeleição do cargo de presidente da Casa.

Fonte: T1-Notícias

Compartilhe no:

Relacionados