Tocantins - 24/10/2020 - 19:46

Famílias e comerciantes são atingidos por enchente em Aparecida do Rio Negro

Postado em 27/03/2020

Compartilhe no:

Fortes chuvas registradas em Aparecida do Rio Negro, na região central do estado, fizeram o Rio Negro, que corta a cidade, encher e alagar ruas, atingindo residências e comércios nesta sexta-feira, 27 de março. Imagens feitas na cidade mostram pessoas carregando móveis de casas alagadas e tentando salvar as mercadorias de vários comércios atingidos.

Estabelecimentos como o Supermercado Moura, o Armazém do seu Português e o Clube Recreativo Municipal foram atingidos pelas águas. Muitos moradores também foram surpreendidos pela enchente, como o vereador Assis Coutinho, Katia Rose, Reinaldo Miranda, Valmo Miranda, Dona Luzia Maciuel, Dona Francisca Ramalho, entre outras que tiveram suas casas alagadas.

Na área rural, chacareiros que residem próximo ao rio estão apreensivos e tentam salvar móveis e pertences retirando de suas casas com medo que o nível da água continue subindo.

O prefeito de Aparecida, Deusimar Amorim acompanhado do secretário de Infraestrutura, Mário Veloso e da equipe municipal está atuando no suporte às pessoas atingidas, para a retiradas das famílias, animais e móveis das residências atingidas.

De acordo com a Prefeitura, as famílias atingidas no Setor São Domingos serão abrigadas na escola municipal. Desabrigados de outros setores serão levados para o Centro de Referência em Assistência Social.

O trabalho de resgate está sendo feito por servidores do município e pela própria comunidade e as equipes da Educação, Social, Infraestrutura, Esporte, Polícia Militar estão envolvidas na ação.

O prefeito Deusimar Amorim salientou, “a última vez que aconteceu uma enchente assim foi nos anos 80, reflexo da quantidade de água que caiu. Graças a Deus não houve afogamentos e estamos atuando para dar todo o apoio a essas famílias, toda a assistência necessária será prestada”.

Uma moradora da cidade informou que a água subiu muito rápido. “Então, deu uma chuva muito forte ontem e hoje de madrugada começou chover novamente até umas 11h da manhã. Aí o Rio Negro encheu muito e continua aumentando sem parar . A água entrou dentro de mercadinhos e várias casas. A água subiu muito rápido mas acredito que logo vai abaixar”, disse.

Alagamento atingiu o centro da cidade e muitas propriedades rurais nas margens do Rio Negro.

Compartilhe no:

Relacionados