Tocantins - 16/01/2021 - 03:27

Governo do Tocantins libera R$ 4 milhões do Crédito Popular e beneficia mais de 760 famílias

Postado em 02/12/2020

Compartilhe no:

Em apenas 60 dias após o seu lançamento, a linha Crédito Popular do Governo do Tocantins inicia o mês de dezembro com a liberação de crédito para mais de 760 famílias tocantinenses. Todas as solicitações aprovadas serão pagas até o dia 21 de dezembro, totalizando um investimento de R$ 4 milhões.

Segundo a presidente da Agência de Fomento, Denise Rocha, a quantidade de liberações é uma solicitação do governador Mauro Carlesse que queria atender o maior número possível de profissionais e, para que isso ocorresse, foi montada uma força-tarefa entre a equipe Fomento Tocantins e a Secretaria de Estado da Fazenda.

“Conseguimos beneficiar mais de 760 famílias em apenas 60 dias, graças à força-tarefa, ao empenho e à dedicação das equipes da Agência de Fomento e da Secretaria de Estado da Fazenda, que não mediram esforços para que o máximo de empreendedores recebessem o crédito ainda este ano”, enfatiza a presidente.

“Nossa proposta inicial era liberar pelo menos 100 contratos por mês para pagamento e nos empenhamos ao máximo para chegar a esse resultado de excelência. Podemos dizer que o Crédito Popular cumpriu os seus objetivos por meio da visão do governador Carlesse em prol dos pequenos empreendedores, principalmente de atividade informal”, completa Denise Rocha.

Para Walterson Oliveira, proprietário de uma empresa de artefatos de cimento, Vasos Baluarte, o crédito popular proporcionará mais agilidade para concretização dos seus objetivos. “Esse crédito será o pontapé inicial no meu projeto de ampliação do meu negócio, bem como para aquisição de materiais diversos, e tudo isso mais rápido do que eu esperava”, afirma Walterson Oliveira.

Gerido pela Agência, o Crédito Popular ainda possui aproximadamente 200 cadastros no sistema, que seguirão o fluxo normal de análise de crédito, e posterior liberação em 2021.

Entenda

Lançada no dia 1º de outubro deste ano, a linha de crédito é um projeto socioeconômico do Fundo de Desenvolvimento Econômico e Sustentável do Estado do Tocantins (FDESTO), que possui um orçamento de R$ 10 milhões, e injeção inicial de R$ 5 milhões em atendimento aos profissionais informais e microempreendedores individuais que foram afetados pela pandemia.

Os beneficiários puderam solicitar o crédito de R$ 1 mil a 6 mil, com prazos de até 36 meses e carência de 6 meses, conforme análise. Aceitando os restritivos, a linha trouxe taxas de juros subsidiadas e diferenciadas, onde os adimplentes de pessoa física ou jurídica tiveram uma taxa de juros de 0,25 % ao mês, e os restritivos uma taxa de 0,33 % ao mês.

Após a aprovação da solicitação e a geração da cédula de crédito, os dados dos clientes foram encaminhados para a Secretaria de Estado da Fazenda do Tocantins para a efetivação do pagamento diretamente na conta cadastrada pelo solicitante.

Os 730 contratos aptos ao recebimento equivalem à liberação de aproximadamente R$ 4 milhões que serão pagos até o dia 21 de dezembro por meio do Fundo de Desenvolvimento Econômico e Sustentável do Estado do Tocantins (FDESTO).

Para o secretário de Estado da Fazenda, Sandro Henrique Armando, a disponibilidade desse recurso do Governo do Tocantins é um investimento no Estado. “A partir do momento que permitimos e incentivamos que cada empreendedor realize seus sonhos e atinja a sua independência financeira, ativamos a roda do crescimento e da geração de renda do nosso Estado, e assim todos ganhamos em desenvolvimento”, pontua o secretário Sandro Henrique Armando.

Canais de Atendimento

Estão disponíveis o site da Agência de Fomento www.fomento.to.gov.br; o e-mail: atendimento@fomento.to.gov.br e os telefones (63) 3220-9824/ 99260-2994.

Compartilhe no:

Relacionados