Tocantins - 20/10/2020 - 11:53

OFICIALIZADOS: Jalapão e seus 25 candidatos a prefeito

Postado em 26/09/2020

Compartilhe no:

Ponte Alta do Tocantins, Santa Tereza, Lagoa do Tocantins, Mateiros, São Félix, Novo Acordo, Lizarda, Rio Sono e Aparecida do Rio Negro, municípios que compõem a região do Jalapão. Os eleitores da região poderão escolher entre 25 candidatos quem serão os novos gestores municipais

A eleição de 2020 tem grande chance de ser a que conta com maior número de candidatos a prefeito na região do Jalapão. Entre idas e vindas e acordos mesmo depois das convenções, a região conta com um número grande de candidatos que sonham com o Paço Municipal. Os nove municípios têm menos de 30 mil eleitores e sem segundo turno, a quantidade de candidaturas chega a ser desproporcional.


As convenções foram finalizadas na região em clima de muita tensão, articulações de bastidores para desfalcar ou engrossar a chapa alheia, com diversas trocas de farpas entre os grupos. O que se nota há apenas uma semana após as convenções, é que os partidos ainda não contam com o “já ganhou” e saem à cata dos votos, pois todos os municípios vivem um cenário de incerteza até o dia 15 de novembro.

Ponte Alta do TO


Em Ponte Alta do Tocantins, o portal de entrada do Jalapão, foram oficializadas pelos partidos as candidaturas do prefeito atual Kleber do Sacolão (PSD) que busca sua reeleição, tendo como vice Juliana Gastaldi (PT).

Já pelo partido PSC, foi lançado o nome do ex-prefeito Luizinho Queiroz e Fábio Galvão.

O Partido Solidariedade traz o atual vice-prefeito, Izidório Pereira e Jackson Barros.


No município a eleição será acirrada entre o prefeito Kleber do Sacolão e o ex-prefeito Luizinho Queiroz. Kleber do Sacolão tem a vantagem de uma administração marcada por obras, já que o município está executando as obras do Portal de Entrada; Praça do Setor Boa Esperança; Quadra Poliesportiva da Escola Municipal Cleiton Maia Barros, Praça da Saúde em frente ao Posto de Saúde e Campo Society do Setor Sul. Isso soma a favor do prefeito nesse momento.

Mateiros


No município de Mateiros nunca houve uma reeleição. Pastor João, como gosta de ser chamado, não esconde o otimismo e trabalha para fazer alianças para mudar esse cenário, garantindo a sua reeleição.


Quatro meses antes da eleição, o Município vira um canteiro de obras e isso pode ajudar a contabilizar os votos. João Martins traz como vice Domingos Barreira.


Já o candidato do PR, Jesy Vieira Tavares, é nome forte na disputa pela Prefeitura. Jesy traz como vice o vereador do Povoado Mumbuca, Josivan Ribeiro (popular Dengo) e ainda conta com o apoio da atual vice-prefeita, Olaides Tavares, ex-prefeitos Antônio Alves (Martins) e Gumercino Oliveira.


O município ainda tem o candidato do PDT, Marcos Toledo, que traz como vice, Railane Ribeiro, do PSB. Há quem diga que eleição só se ganha em 15 de novembro, depois que as urnas trouxerem a soma dos votos, e na Capital do Jalapão o cenário para a concretização da vitória ainda é incerto, tudo pode acontecer.

Lizarda


Lizarda é outro município do Jalapão em que a atual gestão busca sua reeleição. Suelene Lustosa (DEM) tenta garantir sua recondução ao cargo compondo com Joseane Benício, que na eleição passada perdeu para a prefeita. A união foi necessária devido à prefeita romper com o seu atual vice-prefeito Deusimar Ribeiro.


Deusimar Ribeiro (Solidariedade) se uniu com a vereadora Thaline Oliveira do PTB e juntos são uma grande ameaça para reeleição da atual gestão.

Deusimar traz em sua bagagem a experiência de dois mandatos como vereador e um como vice-prefeito. A vereadora Thaline Oliveira já conhece de perto todas as famílias do município e tem trabalho prestado.


Contudo, para Deusimar e Thaline assumirem a Prefeitura de Lizarda, eles terão que derrotar a prefeita Suelene Lustosa que é a candidata nata à reeleição. Suelene conquistou seu espaço na política demonstrando sua capacidade de administrar, tendo uma personalidade de tomar decisões importantes. Hoje em Lizarda nenhuma das coligações já canta o “já ganhou”, ambas lutam para conquistar apoios. O voto lizardense hoje vale quatro anos de mandato.


Rio Sono


O clima do “já ganhou” não faz parte do movimento em torno da eleição no Município de Rio Sono. O prefeito Itair Martins (DEM) não esconde o otimismo e trabalha para fazer alianças que garantam sua reeleição, consolidando a vantagem que trará quatros anos a mais.


Em 2016, o prefeito compôs a chapa com Dr. João Rocha na majoritária e enfrentou uma disputa acirrada contra o ex-prefeito Roberto Campos, ganhando apenas com seis votos à frente. Isso hoje é sinal de alerta para o prefeito que não se acomoda e corre atrás de apoios. Itair Martins traz como vice Leila Campos do MDB e conta com apoio de oito vereadores e cinco ex-prefeitos.


O empresário João Neto é o candidato a prefeito de Rio Sono pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), e traz como vice Valdeana Batista, com 13 candidatos a vereador na coligação. João Neto concorre uma eleição pela primeira vez, mas traz consigo um time forte para enfrentar a disputa. O deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa, Antônio Andrade, (PTB) é um dos maiores apoiadores de João Neto.


O que se sabe é que no Município a disputa é favorável ao prefeito Itair, mas como gato escaldado tem medo de água fria, o prefeito percorre todo o município em busca de apoio para garantir sua reeleição.

Novo Acordo


O município de Novo Acordo também conta com três nomes na disputa pelo Paço Municipal. Para os eleitores do município não será fácil escolher o melhor nome, devido os três candidatos apresentarem boas propostas e serem fortes na região. A disputa no Município promete ser a mais acirrada do Jalapão.


A professora Deusany Batista (DEM) vem unida a Marlim Andrade (PP). O advogado Mateus Coelho (PSL) se junta ao vereador Pedro Andrade e o vereador Helânio Gomes (PTB), se alia ao ex-prefeito Osvaldo Dourado para enfrentar a disputa.

Santa Tereza do TO


Santa Tereza do Tocantins já é conhecida por suas disputas acirradas em período eleitoral. O pequeno Município conta com três candidaturas ao Paço Municipal.


O PDT traz Antônio Campos como candidato a prefeito e Donizete Pereira (Cidadania) como vice. A coligação recebeu apoio dos ex-prefeitos Joaquim Viera e Neto Trajano, além dos deputados Cleyton Cardoso, Antônio Andrade e Eduardo do Dertins. Antônio Campos perdeu a eleição em 2016 por apenas dez votos, e hoje volta a disputar a Prefeitura com o apoio do grupo que na eleição de 2016 foi adversário.
O vereador Luiz Gonzaga do PSD, e o ex-secretário de Administração Wochington Sousa do PL, são os candidatos apoiados pelo atual prefeito Valteir Lustosa, que não quis colocar seu nome na disputa.


O MDB do Município traz Wando de Paula e Wendel Ramos, ambos do mesmo partido para lutar pela Prefeitura.


Um sentimento de insatisfação e a necessidade de novos tempos predominam em grande parte da população de Santa Tereza. O caminho desfavorável força a composição do atual Prefeito Valteir Lustosa a se articular politicamente para diminuir o desgaste.

Lagoa


O município de Lagoa do Tocantins conta com três candidatos a prefeito. Na impossibilidade de disputar à reeleição, o prefeito Nonato Nestor (DEM) lançou o empresário Leandro Soares. Ele é considerado um dos principais nomes para a disputa. Leandro é do PSD e traz em sua composição como vice, Nonato Amaral.


O PTB de Lagoa lançou o nome de dona Edith Machado e Cristiano de Sousa (MDB) é o seu vice. Edith também é nome forte no município.


O terceiro nome a disputar a vaga de prefeito é Petion Corado (PSL) que traz como vice Djades.

São Félix


No menor município do Jalapão – São Félix do Tocantins, o cenário não é diferente. A cidade conta com três candidatos na disputa pela Prefeitura.
O prefeito Marlen Ribeiro (PTB) lançou Gilvan Ribeiro (PTB) e Deusiano Ribeiro para ocupar a vaga de prefeito. Graças à popularidade e aos apoios políticos, o nome de Gilvan é uma grande aposta para vencer as eleições.


Outro forte concorrente é Carlos Irael (MDB), que já demonstrou nítido interesse em governar São Félix. Em busca da concretização do sonho de ser prefeito, Carlos se une ao vereador Gercimar Xavier (Avante), e conforme o andar da carruagem, pode ser forte concorrente. Dependerá muito da articulação política que fizer daqui até o dia 15 de novembro.


O município ainda conta com a candidatura de Silvio Lira (Podemos) e Aldecy Ferreira (PSDB). Os dois seguem em busca do voto dos eleitores de São Félix, já que a disputa será acirrada entre as três chapas. A coligação aponta ainda 10 candidatos a vereador.

Aparecida


Na pequena cidade de Aparecida do Rio Negro a eleição será disputada entre Suzano Lino (MDB), Carmelita Tavares (PDT) e o PC do B está trazendo Moizaniel com Pedro Brito como vice.

Ambos trazem propostas e experiências, e cabe ao eleitor aparecidense decidir o que quer para o Município. O atual prefeito Deusimar Amorim (PSD), que completa seus oito anos de mandato, não toma partido de nenhuma coligação, deixa os candidatos a vereadores do PSD decidirem a quem acompanhar.


Aparecida do Rio Negro, nesses últimos oitos anos, recebeu investimentos em todos os setores. Deusimar Amorim tem como compromisso concluir sua gestão cumprindo suas promessas de Governo, talvez esse seja um dos motivos que o levou a não assumir compromisso com um dos candidatos.
Suzano Lino (MDB) traz como vice-prefeito o vereador Assis Coutinho (Cidadania). Carmelita Tavares compõe com o empresário Roberto Xavier (SD).


Independentemente do desempenho de cada candidato, o apoio de algumas “lideranças” será importante na definição do voto do aparecidense, pois a disputa será muito acirrada.

Eleição


As datas de votação das Eleições 2020 foram adiadas em razão da pandemia do novo coronavírus. O primeiro turno será no dia 15 de novembro e o segundo em 29 de novembro. Os horários de votação ainda estão sendo definidos pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Atendendo às recomendações sanitárias, cada sessão eleitoral vai disponibilizar álcool em gel para as mãos e desinfetante para o ambiente.

Compartilhe no:

Relacionados