Tocantins - 25/07/2021 - 10:36

JUNHO VIOLETA: Campanha “Idade não é nada, respeito é tudo” é realizada em Aparecida

Postado em 15/06/2021

Compartilhe no:

A Secretaria Municipal de Assistência Social leva à comunidade o alerta para denúncias de casos de violência e maus tratos à pessoa idosa do Município de Aparecida do Rio Negro. A campanha ocorre de forma virtual devido ao agravamento da pandemia.

O Município de Aparecida do Rio Negro está realizando a Campanha Junho Violeta: “Idade não é nada, respeito é tudo”, em alusão ao Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, neste 15 de junho. Com o intuito de levar à Comunidade o alerta para este tipo de violência, que pode ser física ou intelectual, a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), através do Centro de Referência em Assistência Social (Cras), realiza a ação “Abra a janela pelo respeito às Pessoas Idosas”.

O mês Junho Violeta é um mês inteiro dedicado à proteção das pessoas idosas. A campanha acontecerá de forma virtual devido ao agravamento da pandemia e aumento do número de casos dos últimos dias, como ressalta a secretária Municipal de Assistência Social, Luísa Marques. “Vamos realizar ações simbólicas e alertar de forma virtual a população, por causa do momento em que estamos vivendo principalmente na nossa Cidade, que tem vivido dias difíceis com a pandemia o que nos deixa preocupados principalmente com as ações de caráter coletivo. Mas mesmo assim queremos que todos se conscientizem da importância de cuidar dos nossos idosos e estar sempre observando se há casos de violência”, ressalta.

A secretária Luísa Marques enfatiza ainda que as ações e eventos voltados à população com mais de 60 anos e com o grupo “É preciso saber viver”, estão paralisadas para preservação da saúde dos atendidos. “Como sabemos, os idosos são o principal público de risco em caso de contaminação pelo Covid-19. Agora, a melhor forma de cuidar das pessoas com mais idade é pedir para que fiquem em casa e sigam as orientações dos especialistas e médicos”, comentou.

Ação

Para simbolizar a campanha,  panos brancos com roxo foram estendidos nas janelas do prédio do Cras, e os servidores da equipe usaram lenços roxos, uma forma de simbologia a essa data que deve ser lembrada, com a finalidade de repudiar todo ato de violência cometido em desfavor da pessoa idosa e que a sociedade em geral deve estar atenta às diversas formas de violência contra a pessoa idosa, bem como a importância em denunciar os casos, que, em grande parte, ocorrem dentro do próprio ambiente familiar.

Para a coordenadora do Cras, Priscila Araújo, a campanha é mais uma ação importante da Assistência. “Não podemos chegar à casa dos idosos nem nos reunir, mas estamos buscando levar esta mensagem aos moradores, e a internet hoje possibilita isso. Toda a nossa equipe se une hoje com este mesmo objetivo, motivar a população a cuidar dos idosos e a denunciar casos de violência, que podem ser de vários tipos, físicas, financeiras, moral, psicológicas entre outras”, finaliza.

Compartilhe no:

Relacionados