Tocantins - 31/10/2020 - 21:14

LAGOA DO TO: Edit Machado é mais uma superação do coronavírus

Postado em 11/07/2020

Compartilhe no:

Vítima da Covid-19, a moradora do Município de Lagoa recebeu aplausos da equipe médica ao sair da UTI de um hospital, após vencer a doença.

Vencer a Covid-19 não é uma missão fácil em qualquer idade ou circunstância, já que a doença, além de causar diversos sintomas físicos, também afeta o psicológico, por deixar o paciente em isolamento. Nesta semana, dona Edit Machado, moradora do Município de Lagoa do Tocantins, entrou para uma estatística de muita esperança para o Tocantins: o número de curados da nova doença.

Edit Machado, 62 anos, que é pré-candidata à prefeita de Lagoa pelo PTB, começou a sentir os sintomas da doença, e logo deu entrada no hospital no dia 22 de julho. Diabética, dona Edit recebeu o diagnóstico de covid-19 cinco dias após ser hospitalizada, onde ficou internada por 19 dias, sendo 8 dias na UTI.

Superação

Os momentos de angústia passaram, e a alta médica foi comemorada nesta sexta-feira, 10, quando a paciente recebeu o carinho, aplausos e muita alegria da equipe médica. Atualmente a idosa se encontra em casa em Palmas, se recuperando e recebendo o carinho de todos. Conforme a família, apesar de ainda estar debilitada, dona Edith se encontra estável, ao lado dos familiares.

Durante o período de internação as visitas foram suspensas após o diagnóstico. Conforme explicou um dos seis filhos de dona Edit, Júlio Cézar, a solidão e a angústia foram fatores que pesaram para ela. “Conseguimos dar para ela apoio por meio de chamada de vídeo, já que ela estava muito agitada, já com os pulmões comprometidos. Falamos com ela duas vezes por vídeo, e isso acalmou mais ela, porque os médicos nos explicaram que ela ficou muito nervosa, com muito medo, sentindo angústia e solidão”, disse ele.

A pré-candidata teve complicações nos pulmões, chegando a ficar com comprometimento do órgão. Dona Edit é querida na Cidade, e por isso, recebeu o apoio de muitos moradores, amigos, e claro, de toda a sua família. “Percebemos muita preocupação, e ligação dos moradores, respondendo as pessoas, preocupados com ela”, disse Júlio Cézar.

Compartilhe no:

Relacionados