Tocantins - 25/07/2021 - 09:31

Prefeito de São Paulo, Bruno Covas, morre aos 41 anos vítima de câncer

Postado em 16/05/2021

Compartilhe no:

Político estava licenciado do cargo e tratava-se no Sírio-Libanês. O velório será fechado, com a presença apenas para a família, mas haverá também uma cerimônia na prefeitura

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, morreu às 8h20 deste domingo, 16, aos 41 anos, em decorrência do câncer da transição esôfago-gástrica e complicações do tratamento. O velório será fechado, com a presença apenas para a família, mas haverá também uma cerimônia na prefeitura.


Licenciado do cargo no início deste mês, Bruno Covas estava em tratamento no Hospital Sírio-Libanês, na capital paulista.

Filho de Pedro Lopes e Renata Covas Lopes e pai do jovem Tomás Covas, Bruno nasceu em Santos, no litoral paulista, no dia 7 de abril de 1980, e foi advogado, economista e político brasileiro.

Mudou-se para a capital paulista em 1995 e, dois anos depois, filiou-se ao PSDB, seguindo os passos do avô, o ex-governador Mário Covas (1930-2001), sua grande inspiração e influência política . No partido, chegou a ser presidente estadual e nacional da Juventude do PSDB e ocupou cargos na Executiva Estadual.

Sua carreira na política começou em 2004, quando se candidatou a vice-prefeito de sua cidade natal. Dois anos depois, foi eleito deputado estadual na Assembleia Legislativa de São Paulo e reeleito para o mesmo cargo e m 2010, com mais de 239 mil votos, sendo o mais votado d aquele ano.


No ano seguinte, assumiu a Secretaria Estadual do Meio Ambiente no governo de Geraldo Alckmin, permanecendo no cargo até 2014, quando foi eleito deputado federal para o mandato 2015-2019.

O prefeita Cinthia Ribeiro, o governador do Tocantins, Mauro Carlesse, a deputada federal Professora Dorinha e autoridades políticas lamentram a perda através de notas de pesar, confira:

Nota de Pesar – Cinthia Ribeiro

Este domingo amanheceu mais triste. Meu amigo, companheiro de partido e de tantas ideias, Bruno Covas, nos deixou. Tão jovem, tão forte, tão generoso, tão amável, tão admirável. Como político, foi reconhecido como um grande construtor. Mas, Bruno Covas, não construiu apenas obras para a população de São Paulo. Especialmente construiu laços e um bonito legado.

Que Deus ampare e conforte o coração de todos os familiares, em especial do seu filho, Tomás. Que Deus o receba hoje. Em nós ficam a saudade e as melhores lembranças. Descanse em paz!

Nota de Pesar – Governador Mauro Carlesse

Com pesar, recebi a notícia do falecimento do prefeito da capital São Paulo, Bruno Covas, neste domingo, 16, em decorrência de um câncer, contra o qual lutava há mais de um ano.

Prefeito de São Paulo (SP) já em segundo mandato, Bruno Covas, mesmo sob intenso tratamento contra o câncer, trabalhou forte no combate à Pandemia de Covid-19 na capital paulista, deixando um legado de abnegação, amor ao próximo e à política, que exercia em prol dos cidadãos.

Nesse momento de tristeza e luto, rogo ao nosso eterno e bom Deus que console os corações de seus familiares, amigos e do povo paulistano que, certamente, sentem a partida prematura de Bruno Covas.

Nota de Pesar – Deputada Professora Dorinha

Foi com imenso pesar que a deputada federal Professora Dorinha recebeu a notícia do falecimento do prefeito de São Paulo, Bruno Covas, na manhã deste domingo, 16 de maio, em virtude de um câncer.

“Bruno lutou com bravura e esperança. É uma grande perda para o nosso País como um político de importante atuação. Sinto muito”, lamentou a parlamentar.

Aos familiares e amigos, a deputada roga a Deus para que dê a todos o entendimento necessário e forças neste momento de dor.

Nota de Pesar – Deputada Federal Dulce Miranda e Marcelo Miranda

O Brasil perde um grande líder político neste domingo, 16 de maio. Infelizmente, Bruno Covas não venceu ao câncer, e a passagem dele deixa os paulistanos e o povo brasileiro em luto. O prefeito de São Paulo era considerado um político nato, com forte senso de responsabilidade, e que trabalhava muito para melhorar a qualidade de vida dos paulistas.

Em suas próprias palavras, Bruno Covas, considerava-se um incansável homem, que tinha a noção clara, que só por meio de políticas públicas efetivas, o Brasil poderia ser um lugar melhor para todos nós, ensinamentos que aprendeu com o seu avó, Mário Covas.

Por essa perda terrível, lamentamos profundamente essa ida precoce desse jovem aguerrido, de espírito empreendedor, e que mesmo internado, não refutou ao seu compromisso por São Paulo.


 
Nos solidarizamos com todos os familiares, e rogamos a Deus o repouso a Bruno Covas.

Compartilhe no:

Relacionados